NORMAS EDITORIAIS

 

e-Strategica

Revista da Associação Ibérica de História militar (séculos IV-XVI).

Revista de la Asociación Ibérica de Historia Militar (siglos IV-XVI).

Journal of the Iberian Association of Military History (4th-16th centuries)

 

 

 

 

    e-Strategica é una revista de periodicidade anual, publicada pela Associação Ibérica de Historia Militar (séculos IV-XVI), cujo objetivo é promover e difundir os estudos relacionados com a história militar dos séculos IV-XVI, em geral, e, em particular, os centrados sobre a Península Ibérica. Para esse efeito, procede à publicação de artigos científicos que contribuam para ampliar e renovar os conhecimentos sobre a história militar dos séculos siglos IV-XVI em qualquer das suas múltiplas facetas – estratégicas, táticas, organizativas, institucionais, financeiras, económicas, armamentísticas, tecnológicas, ideológicas, castelológicas, arquitetónicas, iconográficas, culturais, antropológicas, sociológicas... –, para aprofundar a análise e a difusão das fontes para os seu estudo, e para refletir e revisitar a análise historiográfíca sobre estas matérias.

 

 

1. PROCEDIMENTO EDITORIAL

 

 

1.1.- Os textos apresentados para publicação terão de ser originais e inéditos e deverão ser enviados por e-mail para o endereço seguinte: strategica.raihm@gmail.com

 

 

1.2.- Todos os textos recebidos serão submetidos a duas avaliações:

 

1.2.1.- Avaliação interna: será realizada pelo Conselho de Redação da revista. Aqui se avaliará se o original cumpre as normas de apresentação de originais e se se ajusta aos objetivos da revista. Nesta primera avaliação, poder-se-á aceitar ou rejeitar o original, ou então poder-se-á solicitar aos autores que introduzam modificações.

 

1.2.2.- Avaliação externa: uma vez superada aquela primera fase, enviar-se-á o original a dois especialistas na matéria (externos à direção, secretaria e conselho de redação da revista), aos quais competirá realizar una segunda apreciação do conteúdo e da forma do texto. Tanto os avaliadores como o autor permanecerão sob anonimato. Os avaliadores externos poderão aceitar o texto, recusá-lo ou propor modificações. Em caso de disparidade de juízos entre os especialistas, o Conselho de Redação solicitará una terceira avaliação ou resolverá diretamente, conforme for o caso.

 

O Conselho de Redação, tendo em conta as avaliações externas, poderá aceitar o texto sem objeções, aceitá-lo se nele forem introduzidas as modificações sugeridas ao autor, ou recusá-lo. Após comunicar a sua decisão ao autor, se for esse o caso este disporá de um prazo razoável para introduzir as alterações ou produzir as suas alegações. Se tal for considerado necessário, o texto modificado poderá ser submetido a uma nova avaliação.

 

 

2. NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE ORIGINAIS

 

2.1.- Os originais devem ser apresentados em formato Word, utilizando o tipo de letra Times New Roman (12 pontos para o texto e 10 para notas de pé de página) e não poderão ultrapassar os 90.000 caracteres, incluindo espaços. Poder-se-ão apresentar textos em português, em espanhol ou em inglês, acompanhados por um resumo com cerca de 100 palavras e por cinco palavras chave, ambas as coisas em português ou espanhol e em inglês.

 

2.2.- As subdivisões do artigo terão uma indicação numérica (1, 1.1, 1.2, 1.3, 2, 2.1, 2.2...). O primeiro nível de divisão será realçado com negrito; o segundo com itálico (ex: 1.- El período inicial; 1.1.- Los primeros años).

 

2.3.- As citações que se introduzirem no corpo do texto e que tenham mais de três linhas devem ser escritas com uma letra de tamanho mais pequeno (Times New Roman 11) e com uma margem esquerda de 1,5 cm. Todas as citações textuais devem ser indicadas entre comas e em itálico ("una sociedad organizada para la guerra").

 

2.4.- As notas devem vir em pé de página, com o número em formato superíndice.

 

2.5.- As referências bibliográficas e documentais incluídas nas notas devem obedecer aos seguintes critérios:

 

2.5.1.- Livros: Nome próprio (em minúscula) e APELIDOS DO AUTOR (em maiúscula), título (em itálico), editora, lugar de publicação, ano de edição, edição utilizada, página ou páginas citadas (p. ou pp.). Os dados aparecerão separados por uma vírgula:

 

Miguel Ángel LADERO QUESADA, Las guerras de Granada en el siglo XV, Ariel, Barcelona, 2002, pp. 15-17.

 

2.5.2.- Artigos de revistas: Nome próprio (em minúscula) e APELIDOS DO AUTOR (en maiúscula), "título do artigo" (entre aspas), nome da revista (em itálico), número do volume, ano de publicação (entre parêntesis), página ou páginas citadas (p. ou pp.). Os dados aparecerão separados por uma vírgula:

 

Humberto Baquero MORENO, "A contenda entre D. Afonso V e os Reis Católicos: incursões castelhanas no solo português de 1475 a 1478", Anais da Academia Portuguesa da História, II (1979), p. 295.

 

2.5.3.- Capítulos de obras coletivas: Nome próprio (em minúscula) e APELIDOS DO AUTOR (en maiúscula), "título do capítulo" (entre aspas), título do livro (em itálico), nome e apelidos do editor do livro (em minúscula), seguido da abreviatura correspondente (dir./ dirs., ed./eds., coord./coords.), editora, lugar de publicação, ano de edição, página ou páginas citadas (p. ou pp.). Os dados aparecerão separados por uma vírgula:

 

John GILLINGHAM, "Richard I and the Science of War in the Middle Ages", Anglo-Norman Warfare. Studies in late Anglo-Saxon and Anglo-Norman military organization and warfare, Matthew Strickland (ed.), Boydell, Wood­bridge, 1992, pp. 195-196.

 

2.5.4.- Edições de textos: Nome (en minúscula) e APELIDOS DO AUTOR (em maiúscula), título (em itálico), nome e apelido do editor científico (em minúsculas), precedido da abreviatura ed., editora, lugar de publica­ção, ano de edição, página ou páginas citadas (p. ou pp.). Os dados aparecerão separados por uma vírgula:

 

Fernando del PULGAR, Crónica de los Reyes Católicos, ed. Juan de Mata Carriazo, Espasa-Calpe, Madrid, 1943, tomo II, p. 16.

 

2.5.5.- Publicações en sitios web: nome próprio (em minúscula) e APELIDOS DO AUTOR (en maiúscula), "título do artigo" (entre aspas), título da página web (em itálico), data de publicação, instituição associada, data de consulta, endereço telemático. Os dados aparecerão separados por uma vírgula.

 

2.6.- As referências que se citarem reiteradamente deverão abreviar-se, indicando: nome próprio (em minúscula) e APELIDOS DO AUTOR (en maiúscula), palavras iniciais do título entre aspas ou em itálico,  conforme  seja artigo/capítulo de livro ou livro, seguido de três pontos, página ou páginas citadas (p. ou pp.). Os dados aparecerão separados por uma vírgula:

 

Manuel GONZÁLEZ JIMENEZ, "Las relaciones entre Portugal y Castilla...", p. 14.

José MATTOSO, Identificação de um país..., vol. 1, p. 56.

 

As referências arquivísticas reiteradas também se podem expressar mediante abreviaturas.