FUNDAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO IBÉRICA DE HISTÓRIA MILITAR (SÉCS. IV-XVI)

   No dia 13 de junho de 2015, no Palácio da Independência, em Lisboa, um grupo de quatro dezenas de pessoas, portuguesas e espanholas (na sua maioria docentes e investigadores universitários, alunos de cursos de Mestrado e de Doutoramento, ou gente com responsabilidade na gestão de equipamentos e de instituições com intervenção na área da história militar) fundou a «Associação Ibérica de História Militar, séculos IV-XVI» [AIHM], aprovando os respetivos Estatutos e elegendo os seus primeiros corpos gerentes.

   

   Esta Associação traduz o grande relevo que a história militar está a adquirir a nível internacional e que se exprime num grande número de publicações, na produção de dissertações de 2.º e de 3.º Ciclos, no interesse crescente do grande público pela visita a museus, centros de interpretação e campos militares, e até na existência, em algumas prestigiadas universidades (p. ex., na Universidade Complutense de Madrid), de cátedras de história militar.

 

   Também na Península Ibérica, nos últimos trinta anos, a investigação nesta área conheceu um incremento substancial, em boa parte devido à atividade intensa das comissões portuguesa e espanhola de história militar. No entanto, a projeção internacional desta realidade é ainda escassa, num mundo onde a cultura erudita tem uma forte dependência do que se produz nos países de expressão anglo-saxónica, francófona ou germânica. Além disso, a articulação interna entre o que a este nível se faz em Portugal e em Espanha é ainda muito incipiente.

 

   Surgiu, por tudo isso, o projeto de criar um ponto de encontro, para pôr em rede, para dinamizar, coordenar e divulgar a investigação científica que se faz no mundo hispânico sobre história militar, mais concretamente no que diz respeito ao período compreendido entre o século IV (a fase final do mundo romano) e o século XVI (que assinala o arranque da expansão ultramarina, em que os países ibéricos foram pioneiros). A intenção é promover reuniões científicas anuais, publicações conjuntas (digitais e em papel), visitas de estudo, aprofundar pesquisas e, ao mesmo tempo, apoiar jovens investigadores que se dedicam a esta área.

 

   A AIHM já tem existência legal e um endereço eletrónico institucional pelo qual pode ser contactada aihmilitar@gmail.com. Está a desenvolver esforços no sentido de, em 2016, lançar uma revista digital e organizar a sua primeira grande reunião científica. A Associação deseja dar-se a conhecer a nível ibérico e mundial, estando totalmente aberta à entrada de novos sócios efetivos, propostos por dois sócios fundadores e aceites pelo Conselho Diretivo. Segue-se a composição dos órgãos gerentes da AIHM para o seu primeiro triénio de vida (2015-2018).